quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Começar...

de uma semente, uma árvore
de uma nota, uma música
de uma gota, um oceano
de uma palavra, um livro
de um passo, uma dança
de um, um infinito
de um gesto, uma vida

começo e fim
nada e tudo
emoção e razão

a dualidade uni
paradoxos

Pela arte, pela educação, pela natureza, pelo ser humano, pela esperança, pelo amor...
da poesia se fará a vida que pulsa da semente à flor
mudar o universo.

Desabafo

Li em algum lugar que devemos curtir cada etapa da vida com intensidade, pois cada idade tem sua alegrias e tristezas... notei o quanto ignoramos isso... hoje a vida cobra o atropelo pela queima de etapas que muitas vezes são impostas a nós mesmo sem querer...
A culpa pela minha estória de vida ser assim é minha, porque é minha alma que escolheu viver cada glória e derrota que tive... é ela que tem o plano maior do qual tenho consciência de parte dele. Busco me conscientizar da profundidade de meus desejos e sonhos. Quero recriar e criar uma vida melhor... mas as palavras são fracas para pulsionar a transformação... o movimento é mais dificil que a ideia... apesar de ser uma ilusão... a mente ainda tem um poder fenomenal sobre o corpo...
É difícill entender porque algumas pessoas maravilhosas para nós sofrem tanto... a explicação é simples... elas são ótimas para os outros, porém péssimas para si mesma... parece impossível... mas não é... a formação da complexidade psiquica de cada um é um mar infinito de possibilidades regida por leis caóticas que fogem a nossa compreensão racional das coisas...
Toda a minha estória é marcada por paradoxos de sentimentos e pensamentos... suas marcas ainda cobram seus valores... lhe dar com cada um deles é um desafio tortuoso, marcas que pedem solução para descansar em paz....
hoje procuro paz... uma palavra singela que só percebe-se seu valor quando se perde, como toda e qualquer coisa verdadeiramente valiosa.
O peso da história dói no corpo, que fragilizado, mergulha em tristeza, adoece. gritando por socorro...
Onde está a cura? as respostas já se tem falta a energia para começar a ação.
o problema não é mais o caminho e sim o veiculo para pecorre-lo... a energia acabou, onde encontra-la?
isso ainda não tem resposta...
Aonde está a energia que move a vida? se sabes onde se fabrica, ou vende-se me digam... pois preciso dela para continuar vivendo...

Estou cansada de tantos pensamentos, sentimentos, ações, paradas que pesam minha alma... cansada de morrer sem curtir minha própria idade, meu próprio momento...

CHEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEGAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!

Parem de me atormentar fantasmas e monstros... ladrões de felicidade, alegria e fé..

Adeus pesadelos, medos, mentiras, omissões, tristezas, ansiedades exageradas...
ADEUS males do coração e da mente...
ADEUS para o que se passou...
ADEUS...
ADEUS
ADEUS!!!